A música como beneficiadora do processo de aprendizagem

música

A música é parte integrante da identidade do indivíduo. É por onde ele pode demonstrar emoções, sentimentos, alegrias e tristezas. É também um importante meio influenciador e formador de opiniões. Nossa identidade musical se identifica com nossa identidade cultural e social. Em âmbito escolar, a musicalidade pode estar relacionada ao fortalecimento do processo de ensino-aprendizagem.

Uma canção pode ter caráter estimulante ou relaxante, dependendo do seu uso e de suas intenções. Ao ouvir com atenção, a fim de identificar os instrumentos, as bases, a composição e os vocais, os estímulos cerebrais se intensificam. Da mesma maneira que pode ter caráter relaxante e estimular a absorção de informações (NOGUEIRA, 2003).

A lei de diretrizes e bases que regem a educação brasileira (lei nº 9394/96), em seu parágrafo 6º, do artigo 23, afirma que “as artes visuais, a dança, a música e o teatro são as linguagens que constituirão o componente curricular”. Articulando em prática escolar, a melhor maneira de inserir músicas para as crianças é a partir da educação infantil, como relaxamento ou como estímulo na realização de atividades.

É importante também criar um ambiente favorável à diversidade. Da mesma maneira em que é colocada uma música dos Beatles, pode ser colocada uma música clássica de Mozart ou Bach, por exemplo. Trabalhar os diferentes estilos musicais também colabora para o conhecimento de novas culturas e aceite aos que fujam dos padrões comerciais.

Para comprovar a importância da música no processo de aprendizagem, Losavov, cientista búlgaro, desenvolveu, nos anos 60, uma pesquisa com crianças em dois grupos. Realizando a mesma atividade, ofereceram música clássica para as crianças do primeiro grupo, enquanto as do segundo grupo mantiveram sem música. O resultado foi favorável ao grupo que ouviu música (MORAES, 2013). A explicação dada pelo pesquisador é que:

“(…) ouvindo música clássica, lenta, a pessoa passa do nível alfa (alerta) para o nível beta (relaxados, mas atentos); baixando a ciclagem cerebral, aumentam as atividades dos neurônios e as sinapses tornam-se mais rápidas, facilitando a concentração e a aprendizagem.” (NOGUEIRA, 2003 apud OSTRANDER e SCHOEDER, 1978)

Trazer músicas de outros países, como a salsa argentina, o pop japonês, e de valorização do Brasil, como o samba, são alternativas para manter a criança em contato com a diversidade e com o multiculturalismo. Não importa o estilo nem os instrumentos presentes na canção, manter a criança em contato com o mundo musical contribui para o seu desenvolvimento intelectual e físico, além de contribuir para um crescimento cultural e de aceitação.

Referências bibliográficas:
NOGUEIRA, Monique Andries. A música e o desenvolvimento da criança. Revista da UFG. v. 5. n.2. Dez. 2003. Disponível em <www.proec.ufg.br/revista_ufg/infancia/G_musica.html> Acesso em 03 de Maio de 2016.
HARGREAVES, David. Within you without you: música, aprendizagem e identidade. Tradução de Beatriz Ilari. Revista eletrônica de musicologia. v. 9. Out. 2005. Disponível em: <http://www.rem.ufpr.br/_REM/REMv9-1/hargreaves.html&gt; Acesso em 03 de Maio de 2016.
MORAES, Jessyca Oliveira. A importância da utilização da música para as aulas de interpretação de textos e redação no ensino fundamental séries finais. In: Congresso Nacional de Iniciação Científica, XIII, 2013, Campinas. Anais do Conic-Semesp.
BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF.

Anúncios

Um comentário em “A música como beneficiadora do processo de aprendizagem

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s